Mercado de trabalho no Brasil 2.1

Até parece que a CNN anda lendo a Casa dos Comuns. Nesta mesma semana publiquei um post sobre a dificuldade no mercado de trabalho brasileiro de se encontrar profissionais para alguns postos que outrora possuíam mão-de-obra farta, como a tradicional empregada doméstica. Falei um pouco sobre como essa falta tende a ser suprida pelos estrangeiros que tem se interessado progressivamente mais pelo Brasil. Poisé, a CNN fez uma interessante reportagem sobre a questão entre o trabalho e a imigração no Brasil.

Segundo o investigado, o fato de que a imigração cresce em ritmo acelerado é evidente – pouco mais de 30% de pedidos de visto de trabalho a mais no ano passado são um bom indício disso – e o real problema é como lidar com a situação. E o grande problema é a qualificação profissional. Há o influxo de população sem qualificação – que chega para competir com o brasileiro pelos postos de trabalho de base que estão minguando, dada a necessidade crescente de qualificação – e há os imigrantes qualificados – que são, por sua vez, não só tolerados como desejados. É uma forma do Brasil aproveitar o custo com educação que outro Estado teve de arcar, e, especialmente, com o tempo de treinamento que sua economia efervescente não tem a perder. O Brasil precisa de capital humano qualificado já. Na verdade precisou desde sempre, mas talvez o esforço dos programas geridos pelo executivo tenha vindo tarde demais. E de forma desmedida, já que iniciativas como PROUNI e FIES resultaram num aumento muito mais quantitativo que qualitativo na educação superior brasileira. Sem falar no grande entrave – que é o maior dínamo de desenvolvimento das potências européias – a educação técnica, que é pouco empregada no país. Muitas opções, mas faltam projetos federais para atacar a questão.

Advertisements

Tags: , , , ,

About Wagner Artur Cabral

filosofia política e futebol

3 responses to “Mercado de trabalho no Brasil 2.1”

  1. Subject Delta says :

    Quero crer que este país não repetirá as demonstrações xenófobas e segregacionistas de outros países mais ricos. Espero que não sejamos condenados a perpetuar erros históricos, saindo do cadafalço e assumindo os papéis de carrascos.

    Infelizmente, penso que encenaremos, com pequenas diferenças, a tragédia da nossa necessidade de sobressaimento graças a miséria do próximo. Talvez a História seja mesmo espiralada.

    • Wagner Artur Cabral says :

      Subject Delta, misterioso leitor, você é um grande otimista. Vamos torcer pra que você tenha razão.

  2. Chalom says :

    Estamos importando imigrantes para serem empregadas domésticas? Gente, viramos primeiro mundo! [Trollface]

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: